Águida Hettwer Poesia & Art
Deixarei meu verso, tatuado em seu peito...
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Quero...
Quero apenas olhar para o amanhã sem receio, com olhos recheados de esperança, carregar nos ombros a mão que diz, "Sou seu amigo, estou contigo".
Quero abraçar um boa causa e lutar por ela, semeando amor por onde for.
Cultivar um jardim, regado com ternura, e colher a flor rara da amizade.
Quero ter um coração humilde para reconhecer um erro, perdoando em amor e por amor, e adquirir experiência.
Que o meu "eu" seja renovado, e de minhas entranhas todo e qualquer sentimento contrário ao amor seja extraído.
Avivando em todo o meu ser, a dignidade de ser chamado filho de Deus.
Quero ser transparente, feito água cristalina que derrama na beira da estrada, regando as flores que desabrocham em viçosos botões.
Quero ter cheiro de terra molhada, e aflorar a nostalgia dos tempos de menina, vagando em lugares que outrora vive e na simplicidade fui feliz.
Quero de volta a noite de verão cintilante com o vôo do vaga-lume, pousava na minha mão, brincava fazendo graça.
Quero o gosto da infância em manhãs ofuscadas do brilho do sol, céu nublado e densas nuvens.
Quero me expressar sem medo de errar e aflorar o melhor de mim...




  




Escrito em: 23.10.2005
Por Águida Hettwer

Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 14/01/2006
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários