Águida Hettwer Poesia & Art
Deixarei meu verso, tatuado em seu peito...
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


    Ás vezes a vida nos parece um mar revolto e o cenário a mercê de ruínas. As coisas nem sempre acontecem como planejamos ou almejamos e aquilo que tínhamos como certeza, não passou de mero engano.

    Não foi o primeiro colocado no vestibular, e, se já formado as dificuldades de inicio de carreira não fora detalhada nas tantas disciplinas que fizestes, ou tampouco colocado em pauta para discussões. A troca do carro usado para um novo ou seminovo, vai ter que ser adiado, o “negócio fechado” não foi concluído com sucesso e a promoção no trabalho não foi desta vez que sorriu para você.

    Os resultados dos exames médicos não foi o esperado e muitas vezes tiram-lhes o sono. Os tantos projetos que você faz todo inicio de ano, como emagrecer, organizar as finanças, ter mais um filho, retomar os estudos, reformar a casa, a alma e a vida, chegaste à conclusão que nada está concluído e neste novo inicio de ano a lista é grande e a esperança maior ainda de tudo ser efetivado.

    Ir, sobretudo, em frente – ainda que olhe para traz e perceba o muito que necessita a ser feito, a falta constituinte, seja justamente a mola propulsora para dizer não ao desanimo e, refutar toda e qualquer alusão a não sair da zona de conforto.

 Sair da zona de conforto viabiliza a usarmos a criatividade nas adversidades e a inteligência em nosso favor e, por conseguinte fazendo o uso da razão, em ações corteses com nossas emoções, portanto, decisões assertivas, realistas e adequadas.


Águida Hettwer
 
Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 13/12/2018
Alterado em 13/12/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários