Águida Hettwer Poesia & Art
Deixarei meu verso, tatuado em seu peito...
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Um laço e um nó...
Águida Hettwer
 
 
Teu perfume ainda dorme em meus braços,
Num flutuar tênue, desprendido de ilusão.
Carícias de mãos de artista, em cada traço,
Envolvente feito manto santo de emoção.
 
 
Vagueando entre luzes e estrelas
De teu olhar terno, perco tempo.
No céu - Nas canções – Ah, posso vê-las!
Ultrapassando inquietudes e sofrimento.
 
 
Prende-me a Ti! Em um laço e um nó.
Não me solte nem por um segundo,
Sem discernir a rota do destino,
Transporta-nos no Éden do desejo.
 
 
No cair da noite vestida de mistério
Enfeitiço a lua, na imensidão do universo,
Somente a Ti! Revelo-me.
 
 
 15.02.2010
 
Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 15/02/2010
Alterado em 15/02/2010
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários