Águida Hettwer Poesia & Art
Deixarei meu verso, tatuado em seu peito...
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Morfemas de almas...
Águida Hettwer
 
 
Espreita-me a saudade no peito,
A alma expõe-se as chamas,
No suspiro, num riso, num beijo.
Evoluindo no espaço proclama.
 
Num ínfimo grão de silêncio
Vislumbrei o prazer de perto,
No malte aferventado do amor
Encontrei-te!No tempo certo.
 
Rio de emoções contorna ao longe,
Encontro de morfemas de duas almas
Clareando as auroras do sonho.
 
Traçando linhas em promessas,
Entrelaçando ideias em uma prece,
No fulgor do amor que não esquece.
 
 
17.09.2009
Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 17/09/2009
Alterado em 17/09/2009
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários